SCBH do Paraúna




Retornar


Caracterização

O Subcomitê da Bacia Hidrográfica do Rio Paraúna (SCBH Paraúna) é uma entidade consultiva e propositiva, que auxilia o Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas na gestão dos recursos hídricos. Tem como objetivo promover a qualidade da água, valorizando a biodiversidade e a cultura local.

Gestão

O SBCH Paraúna foi instalado em 26 de agosto de 2004, é gerido por um colegiado tripartite, com a representação seguinte:

Os setores mantêm o mesmo número de representantes. Cada setor elege o seu coordenador e os três elegem o coordenador geral.

A reunião do colegiado, aberta ao público, acontece na última sexta feira dos meses ímpares, quase sempre em Gouveia, no endereço: Reserva Natural de Cerrado Curral de Pedras – S/N Bairro Capelinha, Gouveia MG CEP:39120-000. O mapa reproduzido nesta página, digitalizado de folder do Comitê da Bacia do Rio das Velhas, contem 12 municípios, abrangendo a bacia do Rio Cipó. No entanto são considerados, no SCBH Paraúna os municípios banhados pelo Rio Parauna. Neste caso são nove, excluindo do mapa os municípios de Baldim, Santana do Riacho e Jaboticatubas.
O Símbolo do SCBH, reproduzido no topo da página, mostra uma gota de água, com representação de ondas e nove peixinhos, correspondendo a nove municípios.

O pulso do coordenador

O SCBH do Paraúna tem agido com firmeza e determinação nos embates com mineradoras e com geradoras de energia elétrica graças à dedicação e à competência de Alex Mendes Santos, coordenador geral do subcomitê. Alex é ambientalista convicto sempre pronto e sempre presente na defesa do Paraúna e seus afluentes. Agindo individualmente ou orientando a comunidade em audiências públicas tem conseguido, sempre, impor as condições do subcomitê, seja enfrentando mineradoras de grande porte, nas proximidades de Tombadouro; seja enfrentando a Cemig, gigante no setor de produção, transmissão e distribuição de energia, e, que fazia descargas de areia, na barragem da Usina, de maneira irresponsável.
No mapa abaixo, assinalado com “pch”, no ponto de encontro dos municípios de Gouveia, Conceição do Mato Dentro e Santana do Pirapama, serão construídas três PCHs, denominadas Quartel I, Quartel II e Quartel III.